Alcance o sucesso na Microsoft Store no Windows

Pete Brown

A Microsoft Store no Windows é uma localização individual confiável para os clientes descobrirem e instalarem aplicações para os PCs Windows. É a localização na qual a Microsoft investe para realçar, promover e encorajar a aquisição de aplicações e os conteúdos para PC. A Microsoft está a apostar seriamente na Microsoft Store no Windows e continuamos a investir para garantir que a nossa loja vai ao encontro das necessidades de programadores e consumidores.

Captura de ecrã com título do vídeo

Giorgio Sardo, Diretor-Geral da Microsoft Store no Windows, partilha as cinco coisas de que mais gosta na Store.

Vantagens para si e para as suas aplicações ao publicar na Microsoft Store no Windows:

  • A sua aplicação passa a fazer parte do mesmo catálogo que os clientes pesquisam quando procuram aplicações, o que ajuda a gerar aquisições.
  • A sua aplicação é potencialmente elegível para promoção na Store, para ajudar a gerar ainda mais aquisições.
  • Os clientes podem instalar a aplicação com mais confiança a partir da Microsoft Store no Windows.
  • Se optar por isso, pode incluir o seu próprio sistema de comércio para compras na aplicação, independentemente da tecnologia utilizada para criar a sua aplicação de outra categoria que não de jogo, e manter todas as receitas.
  • Agora, pode adicionar as suas aplicações para computador tradicionais (aplicações Win32) à loja sem alterar o código, os pacotes de instalação .msi ou .exe existentes, desde que estejam em conformidade com as políticas da loja (políticas disponíveis a 28 de junho de 2021).
  • Poderá obter métricas e dados sobre aquisições na loja, incluindo relativas às aplicações de computador tradicionais.

A Microsoft Store no Windows tem vindo a suportar há anos em UWP (Plataforma Universal do Windows), PWA (Aplicações Web Progressivas) e aplicações de computador empacotadas em MSIX (anteriormente APPX). Em 2021, com a nova loja, adicionámos suporte para as suas aplicações de computador tradicionais.

Quando falamos em "aplicação de computador tradicional", referimo-nos a aplicações de categorias que não jogos criadas com qualquer linguagem ou frameworks de IU que direcionem a API Win32, em execução no SO Windows. Por exemplo, aplicações .NET, incluindo WPF e Windows Forms, aplicações C++ mediante a utilização de MFC, Qt, JUCE ou outros frameworks de IU, Electron e outras aplicações ao utilizar tecnologia Web, aplicações Java, aplicações de consola, entre outras. Estas aplicações são instaladas com um ficheiro .exe ou um pacote .msi.

Agora, se tiver uma excelente aplicação de computador de outras categorias que não jogos e que esteja em conformidade com as políticas da Microsoft Store, pode incluí-la na Microsoft Store no Windows sem fazer alterações ao código ou ao instalador e, ao mesmo tempo, manter o seu sistema de comércio e a sua rede de entrega de conteúdos já existentes.

Tenho uma aplicação de computador tradicional, mas está publicada através do meu site. Por que devo publicá-la na Store?

Mencionei as vantagens da publicação na Microsoft Store no Windows acima, bem como o nosso novo suporte para aplicações de computador tradicionais. No entanto, muitos programadores preferem que a experiência de instalação ocorra completamente nos sites deles, para que os clientes não saiam das respetivas propriedades Web e para que possam acompanhar outros apelos à ação no site após a conclusão da instalação (como aderir a um fórum, transferir mais bits, etc.).

Reconhecemos o valor desta abordagem. Ao mesmo tempo, sabemos que, para muitos clientes, é difícil decidir se devem ou não transferir uma aplicação de um site. Mas não é só. Atualmente, é comum encontrar botões de transferência falsos na Web, o que faz com que os utilizadores evitem clicar em coisas que lhes parecem estranhas. Agora, para ajudar nestas situações, os programadores podem invocar a aplicação cliente da Microsoft Store a partir de uma página Web com o distintivo da Store, mas que é uma aplicação totalmente imersiva e uma experiência que não é exclusiva das transferências.

Para melhorar o processo para programadores e clientes, estamos a criar a loja pop-up, uma aplicação nos PC Windows que é invocada através de markup na página Web. Quando um cliente clica no botão de instalação, permanece no site e vê uma pequena caixa de diálogo nativa do Windows, que trata da experiência de instalação completa. A aplicação continua a ser anunciada, descoberta e instalável através do cliente da Microsoft Store e retém as mesmas capacidades analíticas, mas agora pode manter o cliente no site para levar a cabo tarefas adicionais ou aumentar a interação. Além disso, a experiência de instalação geral do cliente é simplificada num único pop-up.

Marcador de posição com fundo cinzento e marca d'água de dimensão sem imagens

A loja pop-up ajuda a instalar rapidamente as aplicações a partir de sites de editores, sem interromper o seu fluxo

A loja pop-up estará disponível mais perto do final do ano. Teremos mais informações, incluindo orientações sobre o markup necessário, nesse momento.

Devo empacotar a minha aplicação de computador tradicional com MSIX ou posso utilizar o instalador que já utilizo?

Queremos garantir que tem a possibilidade de escolher a abordagem de empacotamento que faça mais sentido para a aplicação e para os clientes.

Se quiser tirar partido das funcionalidades que o MSIX oferece, como instalação, atualizações e desinstalação simples e atualizações incrementais, pode empacotar a aplicação como MSIX e publicá-la na loja. MSIX é a forma como preferimos empacotar e distribuir aplicações. Pode saber mais aqui.

Também pode recorrer ao seu próprio instalador no nosso programa novo para publicar aplicações de computador tradicionais. Nesta abordagem, não tem de enviar um pacote para ser armazenado e distribuído pela loja. Ao invés, vai fornecer um URL com versão para o pacote .exe ou .msi no seu site ou na sua rede de distribuição de conteúdo (CDN), obtendo os benefícios de anunciar no catálogo da loja. Desde que o instalador suporte o modo silencioso e a aplicação e o instalador estejam em conformidade com as políticas da loja, não são necessárias alterações. Pode saber mais aqui.

Tenho uma aplicação UWP na loja, mas ainda não publiquei a minha aplicação de computador tradicional. Devo publicá-la? Devo substituir a aplicação UWP pela versão de computador?

Em última análise, esta decisão depende dos padrões de utilização das suas aplicações e o seu modelo de negócio. Pode ter ambos os tipos de aplicações instaladas na loja. Esta opção faz sentido para os programadores que pretendem oferecer duas experiências diferentes para clientes diferentes. Pondere dar-lhes nomes diferentes, de acordo com o conjunto de funcionalidades ou capacidade, escalão de produto, etc. Geralmente, não recomendamos que haja duas aplicações praticamente idênticas e que difiram apenas na tecnologia com que foram criadas, a não ser que planeie descontinuar uma dessas aplicações ao longo do tempo.

Se pretender remover a aplicação UWP, perderá as classificações e os comentários atuais à mesma. Além disso, não há uma forma automática de passar os clientes da oferta UWP para a oferta de computador, pelo que terá de os avisar dentro da aplicação UWP.

Do mesmo modo, não existe um mecanismo automático de passar as compras dos clientes do sistema de comércio da Microsoft para o seu próprio sistema, pelo que, no geral, é melhor tratar as duas aplicações como sendo completamente separadas ou contar com recursos no seu sistema de comércio que permitam lidar com estes cenários.

Tenho uma aplicação Web progressiva (PWA) que os clientes instalam através do browser. Por que devo publicá-la na Store?

As PWAs são aplicações baseadas em normas da tecnologia Web, que parecem aplicações nativas. Podem ser instalados através do browser, como o Microsoft Edge. No entanto, os utilizadores têm de saber aceder a um site ou outra localização para adquirir a aplicação e seguir a experiência de instalação, que pode ser diferente da experiência de aplicações criadas com outras tecnologias.

Ao publicar a sua PWA na Microsoft Store no Windows, a sua aplicação fará parte do mesmo catálogo que os clientes utilizam quando procuram aplicações na loja. A aplicação também terá uma experiência de instalação consistente em comparação com as outras aplicações que utilizem tecnologias nativas. Desta forma, beneficia de um canal incremental para distribuição com esforço praticamente nulo, de mais visibilidade para a aplicação e da garantia de que os clientes têm o catálogo completo das aplicações à sua disposição, numa única localização.

Pode saber mais sobre as PWAs na Microsoft Store no Windows aqui.

Para obter mais informações

Este artigo resume alguns dos principais aspetos da publicação das suas aplicações na Microsoft Store no Windows. Para obter informações mais detalhadas sobre os anúncios que lançámos em junho de 2021, veja estas publicações de blogue:

Agora que já sabe mais sobre as opções de publicação na Microsoft Store no Windows, o passo seguinte é publicar a sua aplicação na loja. Mal podemos esperar pelas suas aplicações fantásticas!